Descubra o impacto do turismo nas cidades brasileiras

Texto Edgar Melo | Foto Shutterstock

Famoso por sua diversidade cultural, recursos naturais e belas paisagens, o Brasil conta com um mercado de turismo significativo. É um fluxo de 273 milhões de turistas ao ano, em viagens de lazer ou de negócios. Buscando entender o perfil dos municípios nesse setor e como essa movimentação pode contribuir para a economia, a Geofusion, empresa especializada em Inteligência Geográfica de Mercado, produziu um modelo estatístico que permite prever o fluxo turístico anual das 5.570 cidades brasileiras, com base nos dados do Ministério do Trabalho e do IBGE. Apesar do grande volume de pessoas circulando pelo País, 82% dos municípios têm baixo potencial para o turismo, considerando o número de visitantes recebidos e a presença de atrativos como praias, reservas ambientais e atividades ligadas ao patrimônio cultural.

Dessa forma, o Brasil conta com apenas 975 cidades de potencial turístico significativo – a maior parte concentra-se nas regiões Sudeste (38%) e Nordeste (28%), sobressaindo-se principalmente os Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Bahia, que, juntos, concentram 50% do fluxo. O impacto gerado pela movimentação dessas pessoas tem influência em diversos setores da economia. Isso porque cerca de 70% dos municípios recebem um volume de visitantes superior ou igual à população residente. Em 65 cidades, turistas ultrapassam em mais de dez vezes o número de moradores. O grande destaque é Rio Quente (GO) que, anualmente, concentra 300 vezes mais pessoas do que a quantidade de habitantes.

Revista Geografia | Ed. 66